terça-feira, 4 de maio de 2010

POESIA SAMURAI


Quem nunca viu

que a flor, a faca e a fera

tanto fez como tanto faz,

e a forte flor que a faca faz

na fraca carne,

um pouco menos, um pouco mais,

quem nunca viu

a ternura que vai

no fio da lâmina samurai,

esse, nunca vai ser capaz.



Paulo Leminski


(1944 - 1989)

2 comentários:

COMENTE,
DÊ SUA SUGESTÃO OU OPINIÃO.